h1

O caçador de vulcões

08/07/2009

O Monte Sarychev, situado a Noroeste da ilha Matua, no arquipélago de Kuril, Rússia, reserva um dos maiores tesouros telúricos do Globo. O Vulcão Sarychev, entrou em erupção e, no passado dia 12 de Junho, os astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) captaram uma extraordinária sequência de imagens do fenómeno, a cerca de 354 Km de altura. 

Vulcão Sarychev em erupção. Imagem: Observatório da Terra - NASA. Clique em cima para ver como deve ser.
Vulcão Sarychev em erupção. Imagem: Observatório da Terra – NASA. Clique em cima para ver como deve ser.

A explosiva coluna de erupção (a castanho) provoca uma onda de choque nas bordas das nuvens, situadas na baixa estratosfera, causada pelos movimentos de ar em torno da coluna, e eleva-se numa extensão considerável de Km, empurrando e envolvendo, como um casulo, o pileu (nuvem em formato de bolha, a branco) entretanto formado precisamente pela rápida elevação da coluna de fumaça decorrente da erupção vulcânica. 

À superfície é possível observar três fluxos de correntes piroclásticas  fluindo violentamente pelas vertentes do cone do vulcão. Embora os comentários deste vídeo de visualização obrigatória refiram estas torrentes como sendo lahars, a mim parecem-me mais correntes piroclásticas.

Anúncios

One comment

  1. Hum, isto para mim foi o equivalente a ler um texto em chinês, LOL.
    Estes geógrafos…. 😉



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: