h1

Mark thing: Internet à velocidade da pontuação

21/09/2009
Fotografia: Coimbra

Fotografia: Coimbra

Numa frase simplicíssima, sem ornatos nem enfeites no vocabulário ou na construção frásica, a ausência de pontuação (uma vírgula ou ponto final depois da palavra internet), é o reagente necessário à metamorfose da sintaxe.

O acesso à internet torna-se dependente da proximidade ao hospital e, se a prossecução do serviço se fizer palmilhando as ruas da cidade de Coimbra, lá para os lados das faculdades, torna-se um migalho mais complicado. São mais 5 minutos de jornada.

Ou muito me engano, ou não devem ser “só” quartos singelos ataviados com tarimbas, destinados à pernouta estudantil. São sumptuosos aposentos principescos, espaçosos e arejados, onde o acesso à internet só é possível em pontos específicos da divisão. Quais? Curiosamente, os que se encontram no raio de cobertura das redes de ligação sem fios de equipamentos públicos…

Anúncios

One comment

  1. Eles percebem. Internet e hospital ´e td o q uma pessoa precisa….



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: