h1

Rogo

22/07/2012

Senhor;

Ouve, por favor,

A prece rebelde que Te desafia

Lançada ao céu noutro lamento:

Mil contas de altura e sofrimento

Dum rosário polido pela agonia.

Ouve nesta voz que não sossega,

O marulhar da inquietação

Vindo desta zona de rebentação

Que Te renega.

Ouve, na dor dos meus defeitos,

O réprobo que vê nas provações

Duras traições

De deuses imperfeitos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: