h1

Patriotismo de lapela

07/11/2012

Fixada na lapela dos paletós dos homens de Estado, num brilho baço, a bandeira nacional já nem portuguesa é. É impossível olhá-la sem levantar muros à volta da esperança. A mim, que sempre a concebi desfraldada nos mais altos mastros de uma identidade com oitocentos anos de história, cada alfinete ardilosamente cravado nos casacos destes fingidos patriotas, dói-me como um espinho espetado no coração de um boneco de vodu com os recortes do mapa de Portugal no perfil.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: