h1

Aventura

03/06/2013

A sobrevoar algures entre o Meridiano de Tordesilhas e o Mar de Caribe, 21 de Maio de 2013.

AVENTURA

Aqui vou a planar num mar de ar
Como um mareante de Quinhentos.
Mas em vez de velas a amainar
Trago asas de aço a rasgar
Outros mares e outros ventos.
A sobrevoar ondas e milhas,
Não passo iguais tormentos,
Tenho os meus olhos sedentos
De conhecer as maravilhas
De um Adamastor paternal
Guardando, num banco de coral,
Voluptuosos arquipélagos de filhas.
Quero no meu o rosto de Portugal,
Ser redondo em abismos e ilhas;
Ter o seu perfil de mapa Universal
Sempre que passa além de Tordesilhas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: