h1

“Estrada para Los Angeles” , de John Fante

10/12/2013

Há muitos livros na minha vida, mas poucos me trouxeram a ideia de estar a ler o extenso rol de confissões com que se poderia redigir a minha biografia. Tirando as obras de um escritor cuja presença me é tão incandescente e tão sagrada que me basta evocar o seu nome para sentir fogueiras de heresia a arder na língua, “Estrada para Los Angeles”, de John Fante, é um desses extraordinários exemplares. Li-o com o rigor de um quiromante, como se seguisse o meu destino revelado nos pequenos vales das palmas das mãos. E um livro é sempre uma estrada sem fim que nos conduz para dentro de nós e dos outros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: